14 de mar de 2009

Visão de Mercado e Capacidade Gerencial



Todos querem novas propostas de construção de engenheiros, novos modelos de construção mais econômicos, novas visões de moradia de bem estar de arquitetos e novos modelos ecológicos de paisagistas. É só você parar em um semáforo em São Paulo e você vai entender como este mercado é altamente competitivo e como soluções criativas e inovadoras realmente fazem do diferencial na venda de imóveis. Daí a crescente busca por outro tipo de profissional que não seja aquele com óculos fundo de garrafa e com caneta azul e vermelha no bolso da camisa.


As empresas procuram profissionais para planejar novos investimentos, elaborar projetos, tocar obras e assumir a gesto de negócios recém implantados. Em qualquer lugar do Brasil o executivo que combinar competências na área operacional e gerencial vai se dar muito bem.


Não diz respeito a colocar um tijolo sobre o outro ou saber fazer o calculo de quanto cimento vai em uma viga. É conhecimento operacional de mercado. E conhecimento gerencial? E como lidar com as pessoas que vão trabalhar no projeto. Como explicar para um arquiteto que a janela tem que ser o maior ou menor para dar uma sensação “dê” alguma coisa para “alguém”. E como dizer para o encarregado da obra que ele tem que der atenção especial a um determinado ponto do acabamento porque é ali que o tipo de cliente que ele tem vai prestar mais atenção e isso pode emperrar a venda do imóvel.


Ai entra o que Peter Drucker sempre dizia: a compreensão de um modelo de negócios passa pela compreensão da necessidade a ser atendida.


É preciso aprender a reconhecer modelos de negócio e esta é uma das características fundamentais do empreendedorismo...


Nenhum comentário: