12 de abr de 2009

Sistema Construtivo em Paredes pré-moldadas de concreto





O sistema PAC, criado pelo grupo InMax em 1982, é composto por painéis portantes pré-moldados de concreto e pré-lajes. Apenas a capa das pré-lajes é moldada in loco no atual sistema da InMax."No passado, erguemos alguns edifícios com a caixa do elevador moldada in loco, elemento que dava rigidez ao conjunto. Porém, com a evolução do sistema, conseguimos eliminar essa estrutura e fazer quase todo o edifício em pré-moldados", afirma André Aranha Campos, diretor da InMax.

Nos últimos 26 anos, a tecnologia havia sido aplicada somente na execução de edifícios de quatro ou mais pavimentos. No entanto, a empresa começa a desenvolver projetos para a utilização em casas térreas e sobrados. "Nós nunca tínhamos feito isso porque nunca houve uma demanda que justificasse", afirma Aranha. Cerca de quatro mil apartamentos já foram produzidos com o sistema; até 2010, a empresa projeta a produção de mais de oito mil unidades entre condomínios horizontais e verticais.

A execução das torres com o sistema PAC exige gruas para a movimentação dos elementos pré-moldados e uma área no canteiro para a instalação dos jogos de fôrmas usados na confecção das peças de concreto. Nesse sistema, as instalações elétricas e hidráulicas e o espaço para os caixilhos também são posicionados e montados antes da concretagem. O processo possibilita a produção de um apartamento por dia, cada um com 50 m2 ou 60 m² de área útil. A maioria dos painéis tem função estrutural, o que limita a algumas paredes a flexibilidade de abertura de vãos. As fôrmas - metálicas ou de fibra de vidro - são projetadas pela própria InMax e conferem acabamento final liso às paredes de concreto. Segundo Aranha, isso proporciona redução no consumo de massa corrida durante a execução do acabamento. "Não há a necessidade de correção de rugosidade, apenas se fecham microporos." Depois de posicionadas no pavimento, as juntas entre os painéis são grauteadas. Por fim, a execução das lajes é feita em duas etapas - a primeira, de montagem das pré-lajes, que incorporam as armaduras positivas e os pontos de iluminação; seguida pela segunda etapa, em que ocorrem a montagem da armadura negativa, das passagens elétricas e a concretagem final, que solidariza as peças pré-moldadas.

fonte: Revista Téchne

Um comentário:

Fabio disse...

Caro Renato,
Parabéns pelo seu Blog.
Aproveito para dar uma dica sobre sistema construtivo:
Dê uma olhada em: www.tecwall.com.br.
Acho que é o sistema mais inteligente que há no Brasil.
Também utiliza formas de plástico, mas que não ficam incorporadas `a alvenaria e são reaproveitadas por 50 vezes.
No final, o plástico é reprocessado e começa um novo ciclo.
O que eu gostei é que a forma não requer estrutura complementar, como as de alumínio e de plástico existentes no mercado.

Grande abraço,

Fabio